Prefeitura de São Sebastião inicia reuniões para volta às aulas presenciais na rede municipal de ensino

Notícias Últimas Noticias

A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria da Educação (SEDUC), deu início, nesta quarta-feira (30), a uma série de reuniões com gestores escolares para tratar do Plano de Retomada das Aulas Presenciais da rede pública municipal de ensino. O primeiro encontro reuniu diretores e coordenadores de creches na Creche Débora Tavares Bahia, no Jaraguá.  

Na ocasião, a secretária da Educação, Marta Braz, anunciou que o retorno dos estudantes às salas de aula deverá ocorrer a partir da primeira semana de agosto, de forma gradual e facultativa. As unidades de ensino voltarão a receber os mais de 15 mil educandos, respeitando todas as medidas de segurança e protocolos de prevenção, como uso de máscara, medição de temperatura, higienização das mãos, distanciamento e limitação da capacidade de acolhimento total de alunos.

“É preciso destacar que não se trata apenas de voltar para a sala de aula, essa retomada envolve todos os desafios que se impõem sobre a educação neste momento e, por isso, nossas equipes estão empenhadas em garantir um retorno seguro a todos os alunos, professores e trabalhadores da educação, bem como tornar nossas escolas cada vez mais qualificadas e comprometidas com a aprendizagem, alinhadas às novas demandas sociais”, ressaltou Marta Braz. 

Durante a reunião, foram pontuadas as estratégias de acolhimento, prática pedagógica e funcionamento das escolas, além de orientações sobre higiene pessoal, limpeza e higienização dos ambientes, transporte, alimentação escolar, entre outros procedimentos operacionais relacionados às boas práticas de biossegurança nas escolas.

Neste primeiro semestre letivo, a Prefeitura realizou uma série de ações para reforçar a segurança da comunidade escolar, incluindo a aquisição de inúmeros materiais, como a instalação de totens dispensadores de álcool em gel, máscaras descartáveis, protetores faciais, tapetes sanitizantes, termômetros digitais, entre outros itens visando à adequação das escolas aos protocolos sanitários durante o período de pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *