Professores da rede municipal de São Sebastião participam de formação sobre educação inclusiva em parceria com a Unifesp

Notícias Últimas Noticias

A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria da Educação (SEDUC), realizou, na última quarta-feira (28), uma capacitação com o tema “Perspectivas da educação inclusiva dos alunos com Transtorno do Espectro Autista nas políticas de formação de professores”, para cerca de 100 professores da rede municipal de ensino.

A formação, promovida em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Campus Baixada Santista, foi ministrada pela pedagoga Kátia Abreu Fonseca, doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), e a terapeuta ocupacional Karina Piccin Zanni, doutora em Neurociências pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP).

Na ocasião, os profissionais debateram estratégias pedagógicas para alunos  diagnosticados com TEA, sugestões para práticas em sala de aula, ajustes curriculares, entre outras ações positivas que preservam e garantem o direito à educação, à aprendizagem e a apropriação dos conteúdos preconizados no currículo comum.

O evento foi promovido em alusão à campanha Abril Azul, que visa mobilizar a sociedade, diminuir o preconceito e ampliar a conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Espaço de Apoio Pedagógico Especializado (EAPE)

Os trabalhos desenvolvidos pelo EAPE, que identifica, elabora e organiza recursos pedagógicos e de acessibilidade para a plena participação e formação dos alunos da rede municipal, não pararam durante o período de aulas não presenciais. Os educadores e equipes gestoras desenvolveram estratégias e materiais para seguir atendendo as necessidades educacionais de 600 estudantes da rede municipal de ensino.

A equipe de Educação Especial da SEDUC é composta por professores especialistas em educação especial e inclusiva, Língua Brasileira de Sinais (Libras) e surdez, psicopedagogia, além de uma psicóloga e terapeuta ocupacional. Os profissionais participam de formações semanais, além de reuniões periódicas e atualizações pedagógicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *